segunda-feira, 29 de junho de 2009

Gripe Suína Alerta


Gripe Suína Alerta nos Aeroportos do Rio de janeiro

video


Coisas que o seu celular pode fazer:

O número de emergência em todo o mundo é 112. Este número pode ser marcado mesmo que o celular esteja bloqueado ou sem saldo. Experimente!!!

Fechou o carro e deixou a chave lá dentro?
Está a milhas de casa onde tem outro controle remoto para abrir o carro?
Pois bem. A solução está em fazer uma chamada para casa.
Alguém que aproxime o controle remoto ao telefone e acione-o.
Tem de manter o seu celular próximo da porta do carro.
Quando alguém em casa aciona o comando, o carro abre!!!

A bateria do celular descarregou-se.
Todos os celulares têm uma reserva de carga na sua bateria.
Ao digitar *3370# automaticamente é ativada a reserva dando até cerca de 50% de energia adicional.
Quando voltar a recarregar o celular automaticamente voltará a carregar esse suplemento de energia podendo ser utilizado outra vez!!!


Como ativar um celular roubado?
Primeiro tem de saber o número de série do celular (IMEI).
Para o encontrar digite: *#06#.
Ao digitar aparece no mostrador 15 dígitos. Este é o número de série do telefone.
Escreva-o e guarde-o num lugar seguro e contacte a sua operadora para cancelar ou anular o telefone.
Quando dá esse número, ninguém poderá usar o telefone porque o desativaram. Mesmo que troquem de cartão não funcionará!!!

A Justiça e a assinatura básica de telefone

Assinatura básica

O Supremo entendeu que o tema tem natureza infraconstitucional e que, portanto, foge de sua competência. Com isso, criou-se a seguinte situação em nossos tribunais.

A maioria das ações, julgada pelos Juizados Especiais, tende a ter decisão favorável aos consumidores, já que a jurisprudência das Turmas Recursais sustenta que a cobrança é ilegal. Como o STF, instância de recurso das Turmas Recursais, declinou de sua competência para julgar o caso, a jurisprudência das turmas prevalece.

Enquanto isso, uma parte menor de ações de grande valor que têm curso pela Justiça comum tendem a chegar ao Superior Tribunal de Justiça que já baixou súmula reconhecendo a legalidade da cobrança da tarifa básica.


Utilidade pública Sites que facilitam seu trabalho

Encontrar telefones, leis, horários de voos, preço de serviços, calcular o fuso horário e até índices financeiros estão a um clique do internauta. Páginas na internet oferecem serviços e informações essenciais para o dia a dia.

Justiça em um clique
O Soleis permite busca de leis por nome e assunto. Reúne todos os códigos, emendas constitucionais, decretos-lei, jurisprudência, siglas, súmulas e alguns outros serviços atrelados à Justiça. Clique aqui para acessar.

Agenda Jurídica
O site da assessoria de imprensa Original 123 dá acesso a uma agenda telefônica com os principais contatos do meio jurídico. Encontre contatos dos principais entidades e órgãos da Justiça, tribunais e ainda de especialistas da área. Clique aqui para acessar.

Pedido de certidões
Pelo Cartório 24 Horas é possível solicitar certidões pela internet de todos os cartórios da rede brasileira. O documento é enviado no endereço indicado pelo internauta, no Brasil ou exterior. Clique aqui apra acessar.

Notícias do mundo
Para ler diretamente os jornais de um determinado país, o site Indekx dá o link de cada veículo por país. Já o site Newseum dá acesso a todas as primeiras páginas dos jornais no mundo.

Ligação mais barata
A Anatel informa qual a operadora mais barata para fazer chamadas nacionais e internacionais. O valor pode mudar com o horário, dia da semana e localização. Clique aqui para acessar.

Carro roubado
Pelo site do Departamento de Polícia Rodoviária Federal é possível dar um alerta de roubo de veículos. Segundo informa o site, o comunicado é feito em tempo real a todos os postos. Clique aqui para acessar.

Telefones do Brasil
Na hora de consultar um catálogo telefônico de outra cidade, a primeira coisa a saber é a operadora da região. Para facilitar a busca, o site 102Web encaminha o internauta diretamente ao guia de assinantes do estado que o internauta procura. Basta clicar no mapa. Clique aqui para acessar.

Horário do mundo
Precisa fazer uma ligação e não sabe se acordará quem está do outro lado do mundo? Melhor checar o horário no site TimeTicker. Clique aqui para acessar.

Arte de conjugar
Os verbos e suas conjugações são o principal desafio de qualquer língua. Quando tiver dúvidas em português, inglês ou outras mais 100 línguas, acesse o Verbix. Clique aqui para consultar.

Calculadoras express
Cálculos rápidos de diversos tipos são feitos na página Webcalc. Pelo site, é possível fazer conversões de unidades de medidas, área e volume de formas geométricas, taxas financeiras e até distância entre cidades. Clique aqui para acessar.

Envio de arquivos pesados
Para enviar arquivos muito pesados pela internet, o ideal não é utilizar e-mails. Há alguns sites que providenciam o envio o arquivo e o transforma em link para que o remetente faça o download em sua caixa. Entre as opções, há o Send This File e YouSendIt.

Reduzir links
Ao navegar pela internet, não é raro se deparar com links que se estendem em diversas linhas. Isso se torna um problema quando é preciso enviar o link por e-mail ou ainda postá-lo em forma de mensagem no Twitter. Há pelo menos dois sites que reduzem o tamanho de links: o TinyUrl e Migre.me.

Voos confirmados e cancelados
A página da Infraero informa, em tempo real, os dados enviados pelas companhias aéreas. Pela página é possível escolher por aeroporto, número do voo ou companhia aérea. O sistema atualiza automaticamente a cada três minutos. Clique aqui para acessar.

Leitura
O governo federal disponibiliza para os internautas livros inteiros que já caíram em domínio público. Clique aqui para acessar.

Fonte: Conjur

Brasil País do Futuro 2? Socialista é o cacete !

Bolsa Ditadura se transformou em indústria

[Artigo publicado, originalmente, nos jornais Folha de S. Paulo e O Globo, deste domingo (28/6)]

Se alguém quisesse produzir um veneno capaz de desmoralizar a esquerda sexagenária brasileira dificilmente chegaria a algo parecido com o Bolsa Ditadura.

Aquilo que em 2002 foi uma iniciativa destinada a reparar danos impostos durante 21 anos a cidadãos brasileiros transformou-se numa catedral de voracidade, privilégios e malandragens. O Bolsa Ditadura já custou R$ 2,5 bilhões à contabilidade da Viúva. Estima-se que essa conta chegue a R$ 4 bilhões no ano que vem. Em 1952, o governo alemão pagou o equivalente a R$ 11 bilhões (US$ 5,8 bilhões) ao Estado de Israel pelos crimes cometidos contra os judeus durante o nazismo.

O Bolsa Ditadura gerou uma indústria voraz de atravessadores e advogados que embolsam até 30% do que conseguem para seus clientes. No braço financeiro do pensionato há bancos comprando créditos de anistiados. O repórter Felipe Recondo revelou que Elmo Sampaio, dono da Elmo Consultoria, morderá 10% da indenização que será paga a camponeses sexagenários, arruinados, presos e torturados pela tropa do Exército durante a repressão à Guerrilha do Araguaia. Como diria Lula, são 44 "pessoas comuns" que receberão pensões de R$ 930 mensais e compensações de até R$ 142 mil. Essa turma do andar de baixo conseguiu o benefício muitos anos depois da concessão de indenizações e pensões aos militantes do PC do B envolvidos com a guerrilha.

O doutor Elmo remunera-se intermediando candidatos e advogados. Seu plantel de requerentes passa de 200. Ele integrou a Comissão da Anistia e dela obteve uma pensão de R$ 8.000 mensais, mais uma indenização superior a R$ 1 milhão, por conta de um emprego perdido na Petrobras. No primeiro grupo de milionários das reparações esteve outro petroleiro, que em 2004 chefiava o gabinete do advogado Luiz Eduardo Greenhalgh na Câmara. O Bolsa Ditadura já habilitou mais de 160 milionários.

É possível que o ataque ao erário brasileiro venha a custar mais caro que todos os programas de reparações de todos os povos europeus vitimados pelo comunismo em ditaduras que duraram quase meio século. Na Alemanha, por exemplo, um projeto de 2007 dava algo como R$ 700 mensais a quem passou mais de seis meses na cadeia e tinha renda baixa (repetindo, renda baixa). Na República Tcheca, o benefício dos ex-presos não pode passar de R$ 350 mensais.

No Chile, o governo pagou indenizações de 3 milhões de pesos (R$ 11 mil) e concedeu pensões equivalentes a R$ 500 mensais. Durante 13 anos, entre 1994 e 2007, esse programa custou US$ 1,4 bilhão. No Brasil, em oito anos, o Bolsa Ditadura custará o dobro. O regime de Pinochet matou 2.279 pessoas e violou os direitos humanos de 35 mil. Somando-se os brasileiros cassados, demitidos do serviço público, indiciados ou denunciados à Justiça chega-se a um total de 20 mil pessoas. Já foram concedidas 12 mil Bolsas Ditadura e há uma fila de 7.000 requerentes.

Os camponeses do Araguaia esperaram 35 anos pela compensação. Como Lula não é "uma pessoa comum", ficou preso 31 dias em 1979 e começou a receber sua Bolsa Ditadura oito anos depois. Desde 2003, o companheiro tem salário (R$ 11.239,24), casa, comida, avião e roupa lavada à custa da Viúva. Mesmo assim embolsa mensalmente cerca de R$ 5.000 da Bolsa Ditadura. (Se tivesse deixado o dinheiro no banco, rendendo a Bolsa Copom, seu saldo estaria em torno de R$ 1 milhão.)

O cidadão que em 1968 perdeu a parte inferior da perna num atentado a bomba ao Consulado Americano recebe pelo INSS (por invalidez), R$ 571 mensais. Um terrorista que participou da operação ganhou uma Bolsa Ditadura de R$ 1.627. Um militante do PC do B, que sobreviveu à guerrilha e jamais foi preso, conseguiu uma pensão de R$ 2.532. Um jovem camponês que passou três meses encarcerado, teve o pai assassinado pelo Exército e deixou a região com pouco mais que a roupa do corpo, receberá uma pensão de R$ 930.

Nesses, e em muitos outros casos, Millôr Fernandes tem razão: "Quer dizer que aquilo não era ideologia, era investimento?"

sábado, 27 de junho de 2009

Philippines Prision Michael Jackson Tribute

Gabeira (Verdade?) Que isso companheiro Atualizado!!

O deputado Fernando Gabeira (PV-RJ) usou R$ 20 mil da verba indenizatória a que cada parlamentar tem direito para pagar serviços prestados pela empresa Lavorare Produções Artísticas Ltda., que pertence a sua mulher, Neila Tavares. O contrato foi feito em 2004, quando Neila era namorada de Gabeira, para montagem do portal de internet Cidade Sustentável, até hoje em funcionamento. Segundo Gabeira, neste caso, o uso do recurso público "se justifica".
PUBLICIDADE

Vejam aonde foi parar o seu, o meu, o nosso dinheiro, como esse PORTAL (rsrsrs) nem hospedagem paga é do worldpress, ainda se diz ético? chega de ladrões !!!!CUIDADO QUER SER SENADOR Acesse Aqui: http://cidadesustentavel.gabeira.com/

O portal é voltado para prefeitos, vereadores e outros gestores públicos e discute soluções sustentáveis para problemas urbanos. "O site funciona há cinco anos", afirmou o deputado. "Tenho orgulho de ter feito esse trabalho. A Lavorare era a empresa que podia fazer melhor o site e em melhores condições (de pagamento)."

Gabeira informou que encerrou o contrato de seu gabinete com a Lavorare depois que passou a viver com Neila, em 2005. "No momento em que passei a morar com ela e a dividir as despesas domésticas, deixei de contratar a empresa", afirmou. Com os R$ 20 mil recebidos da cota de verba indenizatória do parlamentar, a Lavorare, de acordo com Gabeira, contratou designers de sites de internet e fez pesquisas qualitativas, entre outras tarefas.

Até março deste ano, as prestações de contas dos deputados dos gastos com verba indenizatória eram mantidas sob sigilo. A contratação da Lavorare foi divulgada no fim de semana pela revista "Veja". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


quinta-feira, 25 de junho de 2009

Inscrito em um cadastro de inadimplentes Serasa SPC por causa de uma dívida de R$ 0,03

A Justiça do Rio de Janeiro manteve sentença que condenou o banco Itaú a indenizar um cliente que teve seu nome inscrito em um cadastro de inadimplentes por causa de uma dívida de R$ 0,03 (três centavos).

Por unanimidade, os desembargadores da 16ª Câmara Cível do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) entenderam que a conduta do banco foi “arbitrária, desproporcional e viola os princípios de boa-fé objetiva e da razoabilidade” e aumentaram a indenização por danos morais de R$ 2 mil para R$ 7 mil.

Segundo informações do TJ-RJ, Nazareno da Silva Duarte renegociou uma dívida com o banco, tendo pago todas as parcelas em dia, exceto R$ 0,03 da primeira parcela do acordo.

O relator do caso, desembargador Agostinho Teixeira, ressalvou em seu voto que o credor não é obrigado a receber valor inferior ao devido, mas nem por isso pode aplicar a sanção diante de um valor tão insignificante.

A Corte considerou ainda que o valor de R$ 2 mil, estabelecido pela 1ª instância, não é suficiente para desestimular o comportamento lesivo da instituição financeira. “Apesar de bem fundamentada, a sentença merece pequeno reparo porque o quantum indenizatório é insuficiente para atender ao caráter punitivo-pedagógico que deve estar ínsito nas indenizações por dano moral”, completou o relator.

domingo, 21 de junho de 2009

Maria Gasolina com Orgasmo



EnFiat, enFiat!!! Vem Ka, meu Diplomata, da um Cherokee no meu cangote
Vem Logus! Você sabe que eu gosto de você às Pampa.
EnFiat o seu Picasso na minha Xantia! Eu sei que voce Dakota do recado
Tira meu Blazer! Vem que sou toda Parati.
Você não imagina o Quantum eu quero Dart, seu Besta!
Ai amor, só você me eleva e me o Fusca.
Meu Gordini, desse jeito, eu te dou um Prêmio.
Não Palio! Não Palio! Me Kombi! Me Kombi!
Ai amor, Kadett, que eu não estou teachando?! Ai achei...
Vou te dar o que eu Tempra você.
Vai Variant, porque não dá pra ser todo dia do mesmo Tipo.
Vai, enFiat seu Pointer Turbo no meu Courrier!!!
Ai Comodoro, Comodoro você!
Ta doendo mas vai Passat... Não para ainda, me Kombi mais um pouco! Vai,
D-10, D-20, D-30! Bem forte, de frente, de Corsa, de Lada Isso amor, Ranger os
dentes, assim GM! GM! GM! vai, vai!
Eu sou sua mulher, sua Verona, e você, meu Omega.
Me abraça, me beija e me Ford. Me chama de Perua!!

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Grey Gardens 2009 HBO



Em 1973, um escândalo ocupou as manchetes dos jornais americanos. Alegando falta de condições sanitárias, autoridades locais tentaram expulsar mãe e filha de Grey Gardens, uma mansão decadente no balneário de luxo de East Hampton, a 160 quilômetros de Nova York. Seria uma notícia banal, não fossem elas as ex-socialites Edith Bouvier Beale e sua filha Edie, respectivamente tia e prima de Jacqueline Kennedy Onassis. Dois anos depois, Big Edie e Little Edie, como eram conhecidas, abrem as portas para os documentaristas Albert e David Maysles. Câmera e microfone em punho, eles flagram excentricidades de duas mulheres que vivem isoladas há mais de 20 anos e travam diálogos dignos dos melhores textos de Tennessee Wiliams e Eugene O'Neill. Documentário que originou o telefilme de mesmo nome com Drew Barrymore e Jessica Lange, é considerado um dos 25 melhores documentários já realizados.


Carlos Arthur Nuzman presidente do COB (Comitê Olímpico Brasileiro).




*Carta aberta a Nuzman*

*Por HOMERO BLOTA*

*Esta é uma carta aberta de um professor de Educação Física de escolas públicas do Rio de Janeiro ao Sr. Carlos Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro e do Comitê Organizador dos Jogos Pan-Americanos.*

Rio de Janeiro, 16 de abril de 2.007

Prezado Sr. Carlos A. Nuzman,

Nunca lhe tive apreço pessoal, como pessoa e como dirigente desportivo.

Como pessoa, não lhe conheço.

Portanto, são dessas antipatias gratuitas, que se têm por aqueles cuja figura pública, por várias razões, acabamos confundindo com a privada e, por isso, passamos a odiar ambas.

Mas julgo-me no direito de não apreciar sua aparente vaidade desmedida.

Seus trejeitos e tiques.

Você parece não caber em si próprio, possuir uma vontade inenarrável de aparecer mais do que os atletas.

Não se ama, mas se inveja a cada vez que se olha no espelho, demonstrando rigoroso desprezo por aqueles que estão à sua volta.

Esta e a impressão pessoal que tenho de ti, mesmo sem conhecê-lo.

Quem sabe estou equivocado.

Como dirigente esportivo e sendo eu um professor de Educação Física que tenta levar a causa do esporte aos cidadãos pobres do Rio, aí sim, tenho opinião formada sobre você, sobre a política que você adotou para os esportes olímpicos do Brasil.

Leia esta carta com humildade, que reflete a opinião, tenha certeza, não somente minha, mas de uma gama enorme de gente no Brasil, que discorda de maneira frontal de suas ações.

Aceite-a como uma contribuição à sua jornada, se assim for capaz.

Desde que assumiu a direção do Comitê Olímpico Brasileiro, sua preocupação não foi outra que não transformar aquela entidade numa mera empresa organizadora de eventos desportivos, com o intuito de:

(a) dar lucro; e (b) projetar a sua figura nacional e internacionalmente.

Aquele que deveria ser o órgão brasileiro destinado a propor para o país uma política desportiva de base, estimulando jovens de todos os cantos da nação a praticar esportes, interessou-se, simplesmente, em organizar megaeventos
(ou tentar organizá-los).

Diga-me, Carlos A. Nuzman, o que foi que você fez para o esporte de base do Brasil desde que assumiu a presidência do COB?

O que você fez para os mais necessitados?

Colocou o nosso Rio de Janeiro em duas candidaturas olímpicas malogradas, fantasmagóricas (e ainda coordenou a mais malograda ainda Brasilia 2000), mesmo sabendo, de antemão, que as chances de vitória seriam nulas.

Sem falar nos escândalos financeiros que envolveram tais candidaturas.

Não teria sido mais útil ao nosso pobre Brasil se seus esforços tivessem sido concentrados para arrecadar essa dinheirama toda para ser gasta em campos de esporte em locais menos favorecidos de regiões distantes?

Você sempre soube que as chances de Brasília e do Rio de Janeiro eram absolutamente nulas.

E insistiu nelas, parece-me, com o intuito de autopromoção e de arrecadar grandes quantias, cujos balanços financeiros até hoje não estão concluídos, como bem noticia a imprensa e conforme se apura do Tribunal de Contas da União.

Assim como quer impingir ao Brasil, novamente, um novo escândalo que se chamará Rio 2.016?

Use esse dinheiro para criar competições de base no Nordeste do Brasil, por exemplo, para jovens, que nunca praticaram esgrima, handebol, ginástica olímpica, remo, ou levantamento de peso.

Promova e prestigie os esportes que o elegem e reelegem, indefinidamente.

Não gaste esse dinheiro em hotéis, banquetes, presentes, mimos e salamaleques, ou viagens de primeira classe e hotéis de luxo com delegados do Comitê Olímpico Internacional.

Se tivermos dinheiro para uma candidatura olímpica Rio 2.016, gaste, que seja, para melhorar as condições das instalações públicas das escolas públicas do Estado do Rio, se quiser limitar seus horizontes à sua terra natal.

Vejo os jornais e percebo que sua gestão é repleta de denúncias de
irregularidades.

Nunca vimos antes tamanhos descalabros.

Sem qualquer pecha, você entrega o *design *das roupas da delegação olímpica à sua cunhada Mônica Conceição, dá a Chefia das delegações olímpicas e pan-americanas do Brasil ao seu diretor e companheiro Marcos Vinicius Freire que, ao mesmo tempo, representa no Brasil a AON Seguros que é quem faz os seguros das seleções do seu Comitê.

De quebra, esse mesmo Marcos Vinicius Freire é amigo e sócio do Ricardo Aciolly que, por sua vez, ganhou os direitos de comercialização dos bilhetes do Pan-Americano.

De quebra, também ganhou os direitos sobre as cerimônias de inauguração e encerramento da mesma competição.

A agência de turismo que presta serviços ao COB é a da sua grande amiga Cristina Lowndes, em uma licitação até hoje contestada e dirigida.

A empresa contratada para idealizar (somente idealizar, e mais nada) as medalhas do Pan-Americano ganhou o direito de fazê-lo através de uma mera carta convite, auferindo R$ 720.000,00 em um contrato de três anos.

A filha de sua atual mulher, é estagiária de direito do COB e viajou a
Suíça, às expensas da entidade, para "assessorar a defesa do Vanderlei Cordeiro de Lima", sem sequer estar formada, ou possuir inscrição na OAB/RJ.


Apesar de o decreto que regulamenta a Lei Piva obrigá-lo a licitar todas a contratações de obras e serviços, por ser o COB um órgão que vive do dinheiro público, absolutamente é licitado, a não ser a famosa contratação da Tamoyo Turismo, da sua amiga Cristina Lowndes, sobre a qual pairam acusações de licitação dirigida.

Eu não estou inventando nada disso.

Tudo aqui é relatado na imprensa ao longo do tempo e concatenado no blog: http://averdadedopan2007.blogspot.com/
que é um verdadeiro documento histórico sobre aquilo que você e a rede Globo passaram a chamar de Pan do Brasil.

Antes, Sr. Nuzman, era o Pan do Rio, seu e do prefeito César Maia.

Quando se viu que sem vultosas verbas federais a coisa não andaria, mudaram o slogan e, para justificá-las, a Globo criou a frase "O PAN DO BRASIL".

Isto é, superpago com o dinheiro de todos os brasileiros.

O senhor e a rede Globo de televisão estão fazendo de tudo para mascarar a verdade do Pan.

Primeiramente, o Pan, em termos técnicos, não é que nos fazem parecer

sábado, 13 de junho de 2009

Women`s Health Jun 2009




Voo 447 Teoria de conspiração


O acidente com o voo 447 da Air France matou dois dos maiores peritos do mundo no combate ao tráfico internacional de armas e ao narcotráfico global. Os dois estavam mergulhados em detectar conexões globais, a partir dos morros cariocas, com o vasto mundo desses dois tipos de atividade. Segundo as Nações Unidas, o narcotráfico movimenta por ano US$ 3 trilhões e o tráfico internacional de armas cerca de US$ 1 trilhão.

O argentino Pablo Dreyfus, de 39 anos, era consultor da ONG Small Arms Survey, com base em Genebra. A qualificação oficial dada a Pablo, na lista das vítimas, é a de “pesquisador da organização não governamental Viva Rio”. De acordo com a lista das vítimas, “Pablo Dreyfus atua em estudos sobre a produção de armas no Brasil e atualmente trabalhava no projeto de proteção a jovens que vivem em territórios vulneráveis”.Fonte: Conjur.com.br

O outro consultor morto no acidente, Ronald Dreyer, era um diplomata suíço que trabalhou como coordenador da relatoria da Declaração de Genebra sobre Violência das Armas. Ele também trabalhou em missões das Nações Unidas em El Salvador, Maçambique, Azerbaijão, Kossovo e Angola. Segundo o jornal Scotland’s Sunday Herald, da Escócia, “os dois eram consultores da ONG Small Arms Survey, baseada em Genebra”. A ONG dedica a abertura de seu portal à memória dos dois. Clique aqui para ler o site.

Segundo o portal, Pablo Dreyfus era Ph.D. em Ciência Política e tinha seu trabalho reconhecido internacionalmente. Pablo trabalhou no gabinete da Presidência da República da Argentina, até 2002. E Ronald Dreyer era Ph.D. em Relações Internacionais.

Pablo Dreyfys tinha seu trabalho, no Brasil, focado contra a Companhia Brasileira de Cartuchos, a CBC, empresa que em 2007 adquiriu a alemã Metallwerk Elisenhutte Nassau e também outra companhia de armas da República Tcheca. Segundo o jornal escocês, Pablo chegou a dizer que “quando agentes policiais cariocas estouram uma célula de traficantes de armas, cujas armas foram compradas na tríplice fronteira, acaba-se chegando em líderes que são homens de negócios que moram em Ipanema e São Conrado, no Rio”.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Test Drive de Mulher



Uma moça escreveu um email para uma revista financeira pedindo dicas
sobre "como arrumar um marido rico".

Contudo, mais inacreditável que o "pedido" da moça, foi a disposição de um rapaz que, muito inspirado, respondeu à mensagem, de forma muito bem fundamentada.

Mensagem/email da MOÇA:

"Sou uma garota linda (maravilhosamente linda) de 25 anos. Sou bem articulada e tenho classe.

Estou querendo me casar com alguém que ganhe no mínimo meio milhão de dólares por ano.

Tem algum homem que ganhe 500 mil ou mais neste site? Ou alguma mulher casada com alguém que ganhe isso e que possa me dar algumas dicas?

Já namorei homens que ganham por volta de 200 a 250 mil, mas não consigo passar disso. E 250 mil por ano não vão me fazer morar em Central Park West.

Conheço uma mulher (da minha aula de ioga) que casou com um banqueiro e vive em Tribeca! E ela não é tão bonita quanto eu, nem é inteligente.

Então, o que ela fez que eu não fiz? Qual a estratégia correta? Como eu chego ao nível dela?" (Rafaela S.)

Mensagem/resposta do (inspiradíssimo) RAPAZ:

"Li sua consulta com grande interesse, pensei cuidadosamente no seu caso e fiz uma análise da situação.
Primeiramente, eu ganho mais de 500 mil por ano. Portanto, não estou tomando o seu tempo a toa...

Isto posto, considero os fatos da seguinte forma:

Visto da perspectiva de um homem como eu (que tenho os requisitos que você procura), o que você oferece é simplesmente um péssimo negócio.

Eis o porquê: deixando as firulas de lado, o que você sugere é uma negociação simples, proposta clara, sem entrelinhas :

Você entra com sua beleza física e eu entro com o dinheiro. Mas tem um problema. Com toda certeza, com o tempo a sua beleza vai diminuir e um dia acabar, ao contrário do meu dinheiro que, com o tempo, continuará aumentando. Assim, em termos econômicos, você é um ativo sofrendo depreciação e eu sou um ativo rendendo dividendos.

E você não somente sofre depreciação, mas sofre uma depreciação progressiva, ou seja, sempre aumenta!

Explicando, você tem 25 anos hoje e deve continuar linda pelos próximos 5 ou 10 anos, mas sempre um pouco menos a cada ano. E no futuro, quando você se comparar com uma foto de hoje, verá que virou um caco.

Isto é, hoje você está em 'alta', na época ideal de ser vendida, mas não de ser comprada. Usando o linguajar de Wall Street , quem a tiver hoje deve mantê-la como 'trading position"(posição para comercializar) e não como 'buy and hold' (compre e retenha), que é para o quê você se oferece...

Portanto, ainda em termos comerciais, casar (que é um 'buy and hold') com você não é um bom negócio a médio/longo prazo! Mas alugá-la, sim! Assim, em termos sociais, um negócio razoável a se cogitar é namorar.
Cogitar...Mas, já cogitando, e para certificar-me do quão 'articulada, com classe e maravilhosamente linda' seja você, eu, na condição de provável futuro locatário dessa 'máquina', quero tão somente o que é de praxe:
Fazer um 'test drive' antes de fechar o negócio...podemos marcar?"

OBS.: Não é a toa que o cara ganha $500.000 por ano !

Réu sem algemas tenta agredir juiz durante julgamento


Réu sem algemas tenta agredir juiz durante julgamento

E Se Fosse o Daniel Dantas

Um julgamento que seria realizado nesta terça-feira, dia 9, na 1ª Vara Criminal de Campos dos Goytacazes, quase acaba em agressão. O réu Fábio Roberto Martiniano, que estava sem algemas por causa da súmula do STF que proíbe que se algeme os réus nos Tribunais do Júri, tentou atacar o juiz Leonardo Grandmasson Ferreira Chaves com o microfone, sendo necessário cinco policiais para contê-lo.

O juiz conta que Fábio, que estava sendo julgado por homicídio, já chegou alterado ao Fórum e que os policiais responsáveis por sua custódia avisaram que seria melhor que ele fosse mantido algemado para evitar incidentes no julgamento.Diante da informação, o juiz conversou com a Defensoria Pública e disse que, se o réu causasse problemas, iria mantê-lo algemado, lavrando-se a informação em ata. As defensoras públicas, porém, disseram que ele já estava mais calmo e que na verdade ele só estava nervoso pelo julgamento. "Em razão disso, procurei o réu e disse que iria deixá-lo solto, ressaltando que eventual problema que causasse poderia ensejar o uso das algemas e que isso só iria prejudicar a ele próprio, ocasião em que o réu me assegurou que permaneceria quieto em Plenário e que não causaria problemas", conta o juiz.

Logo no início do julgamento, no entanto, o réu já causou um embaraço, recusando-se a assinar o termo de depoimento dos policiais por não concordar com a versão deles. As Oficiais de Justiça explicaram, então, que a assinatura traduzia apenas a presença dele e que não significava aquiescência com o conteúdo e este primeiro problema foi solucionado. Fábio, porém, começou a responder rispidamente ao juiz, que o advertiu várias vezes de que aquela postura não poderia continuar. Fábio disse que então não responderia a nenhuma outra pergunta.

O juiz começou a transcrever para a ata os fatos que Fábio já tinha narrado, mas percebeu que o réu estava ficando alterado e mandou que os policiais o algemassem. "Desta forma, no momento em que dei a ordem para que o réu fosse algemado, ele se levantou com o microfone na mão e partiu em minha direção como um louco, desferindo um golpe contra a minha pessoa, vindo a atingir a mesa por mim ocupada, quebrando o copo d'água e derrubando tudo, momento em que foi contido com muita dificuldade por nada menos do que cinco policiais", narrou o magistrado, que acabou por dar voz de prisão em flagrante a Fábio por tentativa de lesão corporal e por dissolver o Conselho de Sentença, encerrando o julgamento.Fonte: Tj.RJ

Essas Crianças !

video

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Beyonce - Halo

Deadmau 5 Space Ibiza opening party 31-05-2009


Set for you! Live from Space ibiza Opening Party 2009 we've got
Deadmau 5

10 Surpreendentes estatísticas sobre sexo

1. Uma mulher russa do século XVIII tem o recorde de ter tido mais filhos – 69. Lógico, ela teve alguns gêmeos no processo – no total foram 27 vezes que ficou grávida. No entanto ela é superada por um imperador marroquino que, comprovadamente, teve 342 filhas e 525 filhos. Sua reputação era mais assustadora. Dizia-se que ele teria pelo menos 700 filhos homens, se fossem considerados os não- oficiais.

2. A média do tamanho do pênis ereto é de 12,7 a 17,8 cm de comprimento e de 10,2 a 15,3 cm de circunferência. Mas ainda dá para aumentar o pênis, segundo cientistas. E pesquisas mostraram que elas se preocupam muito mais com a espessura do que com o comprimento do pênis de seus parceiros.

3. De acordo com pesquisas, 5% dos homens na faixa etária dos 40 anos, têm disfunção erétil. O número aumenta para 15% quando se trata dos cinquentões.

4. Sobre a virgindade, a média entre os homens é de 16.4 anos. As mulheres iniciam a vida sexual um pouco mais velhas, entre 17 e 17.4 anos. A genética também tem um papel importante nessa questão – pode determinar quando a pessoa iniciará sua vida sexual por traços herdados, como impulsividade.

5. 12% dos adultos estadunidenses casados dizem que dormem sozinhos.

6. Enquanto 75% dos homens diz chegar ao orgasmo cada vez que faz sexo, apenas 29% das mulheres afirmam o mesmo. Além disso, a maioria das mulheres não consegue ter orgasmo durante a penetração vaginal – precisa de estímulos no clitóris.

7. Dois terços dos estudantes universitários declaram ter tido o tipo de relação chamada “amigos com benefícios”. Ou seja, dois amigos que fazem sexo sem compromisso quando dá na telha – isso, teoricamente, sem prejudicar a amizade.

8. Mulheres tem uma média de seis parceiros durante toda a sua vida. Para os homens, o número é de sete.

9. Dois terços das mulheres estadunidenses que tiveram seus bebês entre 2001 e 2003, trabalharam durante a gravidez. 80% dessas mulheres trabalhou mesmo durante o mês que antecedeu o parto. Em 1965 esse número foi de 35%.

10. Pelo menos metade dos homens e mulheres sexualmente ativos irão contrair ou já contraíram uma doença sexualmente transmissível.

Fonte: Hypescience.com

Videos Engraçados - Malhação Homem e o Cão

video

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails